archive.php

5 dicas para voltar das férias sem sofrimento

Postado por magna em 06/fev/2017 - Sem Comentários

blog_magna_grande.jpg

É no retorno das férias que percebemos a diferença entre pessoas que fazem dieta e pessoas que mantêm um estilo de vida saudável.

Durante as férias é normal sair da rotina, não ter horários fixos para se alimentar e dar uma relaxada dos exercícios físicos. Na volta para casa, a hora de subir na balança pode ser assustadora, especialmente para os que ainda fazem parte do primeiro time.

Quando se segue uma dieta restrita é necessário muito mais esforço e força de vontade. E, apesar da animação inicial com a perda de peso, logo corpo e mente se cansam. Por isso, muita gente desiste da dieta nas férias e depois não consegue mais voltar.

Voltando à alimentação pobre em nutrientes e rica em gordura, além do peso, todos os aspectos da vida tendem a se desestabilizar. Por isso, veja nossas dicas para minimizar o sofrimento do retorno à vida normal.

1 – Regularize seu sono.

Dormir bem e em horários regulares é o primeiro passo para encarar a rotina com leveza e tranquilidade.

2 – Encare a preguiça.

Dê o primeiro passo, quanto mais tempo você demorar a assumir o controle de sua vida, mais difícil será.

3 – Vá ao mercado.

A geladeira está vazia? Isso aumenta os riscos de recorrer à pizza e ao chocolate. Faça uma lista e vá ao mercado para abastecer a geladeira de alimentos saudáveis.

4 – Organize-se.

Chegue do mercado, planeje o menu da semana, lave as verduras, cozinhe o que tiver que cozinhar e separe tudo em potes. Assim, a tentação diminui.

5 – Mexa-se!

Se você já tem o costume de se exercitar, ótimo. Se não, encare logo essa tarefa. Mas não se cobre muito: trace metas tangíveis e não se exija mais do que você aguenta.

Nutrientes fundamentais para as mulheres

Postado por magna em 17/out/2016 - Sem Comentários

nutrientes

Da infância à menopausa, o corpo feminino requer uma alimentação diferenciada e rica em fibras, ferro, cálcio e soja.
Confira a lista de nutrientes imprescindíveis na idade fértil, período que compreende, em média, dos 10 aos 50 anos de idade:

nutriente1

Durante a menopausa há necessidade de aumentar a ingestão de cálcio, que atua na contração muscular, coagulação sanguínea, transmissão do impulso nervoso e suporte estrutural do esqueleto. E para “fixar” o cálcio no osso, os níveis de vitamina D também precisam estar satisfatórios.

nutriente2

Ainda durante a menopausa também é importante garantir que os níveis de isoflavona estejam adequados para minimizar os desconfortos comuns da época, como insônia, mudança de humor e secura na pele.

Para equilibrar a alimentação também é necessário reduzir o consumo de sal, alimentos gordurosos e álcool. Aliada a isso, a prática regular de exercícios ajuda a reduzir os riscos de doenças cardiovasculares, diabetes, osteoporose, obesidade e pressão alta.